Conheça os diferentes tipos de SSL para seu site

Conforme você viu em nosso outro artigo, a nova versão do Google Chrome (edição 68) trouxe uma mudança significativa para os sites que ainda utilizam o protocolo HTTP. Não há dúvida de que você já recebeu um aviso de página “não segura” no navegador ao tentar acessar um site que ainda utiliza o antigo protocolo de comunicação HTTP.

A decisão da Google em tornar o protocolo HTTPS e suas conexões criptografadas em uma norma padrão, provocou muitos comentários e discussões. Vários usuários não estão satisfeitos com esta mudança e parecem determinados a migrar para outro navegador. De outro lado, muitos outros usuários, porém, entendem que esta nova regra, é uma boa iniciativa que ajuda a internet a se tornar um lugar mais seguro.

Mas por que devo utilizar um SSL no meu site?

Se você está entre as várias pessoas que estão “chateadas” ou confusas com essa decisão da Google em relação a sites HTTP, queremos que você tenha em mente o seguinte:

  • O Google não se beneficia dessa mudança financeiramente, e também não vende certificados SSL.
  • Mesmo se você migrar para outro navegador, o site HTTP ainda será visto como “não seguro” pela maioria dos usuários da Internet. Não se esqueça de que o navegador Chrome tem uma participação de mercado de aproximadamente 66%.
  • O Chrome não é o único navegador que toma medidas a favor do HTTPS. Outros navegadores conhecidos e famosos apoiam positivamente essa nova regra.
  • Em alguns anos atrás, a criptografia era uma exceção. Hoje em dia as coisas são totalmente opostas. O protocolo HTTPS dominou a web, como você pode ver na imagem a seguir:

Quais os tipos de SSL?

Levando em conta o que falamos anteriormente, principalmente o fato de que o protocolo HTTPS garante a troca segura de informações, você pode pesquisar um SSL para o seu site. Então, estamos aqui para ajudá-lo. Abaixo, você pode ler sobre todos os tipos de SSL disponíveis e identificar aquele que melhor lhe convier.

Esse tipo de certificado SSL oferece uma proteção básica para sites pequenos e garante que a troca de informações seja criptografada e segura.

Os Certificados SSL pagos são mais proeminentes e reconhecíveis em comparação com os sistemas de criptografia Let’s Encrypt SSL. Os planos pagos são emitidos por empresas que têm anos de experiência na área de segurança. Além disso, seus clientes entenderão que você se preocupa muito com a segurança deles ao perceberem que você pagou por uma proteção fundamental.

O OV SSL é um tipo de certificado pago e é adequado para empresas que, além da criptografia nas informações, também desejam fornecer aos seus clientes a certificação de seus dados corporativos.

Para emitir um OV SSL, você deve comprovar a propriedade do nome de domínio, bem como informações adicionais sobre a sua organização ou empresa.

O certificado SSL de validação estendida é recomendado para grandes empresas com aplicações de e-commerce, que desejam manter um nível de concorrência superior oferecendo mais segurança aos seus clientes, onde todos os dados de seus clientes e transações pessoais estão protegidos! A partir de agora, os navegadores mais populares mostram aos visitantes que um site usa EV SSL, exibindo na barra de endereços um cadeado verde e logo ao lado o nome da empresa. Essa indicação chama a atenção e ganha a confiança do cliente.

A emissão de um EV SSL não pode ser feita gratuitamente e requer um processo mais rigoroso de auditorias para que a identidade da empresa seja validada. Os documentos necessários devem comprovar a propriedade exclusiva do nome de domínio, sede da empresa, sua entidade natural e legal, sua operação, a validação que a organização de fato solicitou para o SSL, bem como a entidade natural e legal de seu representante.

Depois de apresentar todos os tipos básicos de certificados SSL, é hora de falarmos um pouco sobre as subcategorias deles. São eles:

SSL Single-domain: emitidos para um único domínio.

Wildcard SSL: emitido para um domínio único e principal, e podem ser utilizados para subdomínios ilimitados, com base no domínio principal. Como por exemplo: blog.dominio-principal.com.br

Μulti-domain SSL: com este certificado você pode proteger vários domínios, de diferentes nomes e extensões.

Esperamos que tenhamos ajudado você a encontrar o certificado SSL ideal para sua empresa.

Igor Maurício

CCO - SkyHost Web Hosting Services | www.skyhost.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *