Servidor para jogos: as melhores dicas para criar e otimizar seu servidor

Os videogames, inicialmente considerados brinquedos, hoje representam uma fatia gigantesca da indústria do entretenimento: os games modernos chegam a faturar bilhões de dólares e são considerados até mesmo como esportes profissionais, com competições sérias transmitidas ao vivo na televisão. A verdade é que nos dias de hoje, em especial durante a pandemia, encontramos desde crianças até adultos jogando para se divertir.

Uma categoria especialmente marcante de jogos são aqueles que oferecem o modo multiplayer online. O avanço das infraestruturas de rede permitiram que jogadores de qualquer parte do mundo joguem juntos uma mesma partida, cooperando e competindo, criando amizades e até mesmo lucrando. Os jogos online são uma alternativa interessante para a socialização em 2021, e podem ser muito mais divertidos que um jogo padrão para apenas um único jogador.

A criação de um servidor próprio para jogar tem muitas vantagens: você pode escolher todas as características de seu mapa ou partida, a performance pode ser ajustada plenamente, os dados do servidor estão sob seu controle para copiar ou fazer backups, e é possível até ganhar dinheiro: servidores do popular Minecraft, gerenciados por adolescentes, chegam a faturar um verdadeiro salário durante a pandemia. Se você quer criar um servidor turbinado para seus jogos, confira nossas dicas.

Infraestrutura e rede

A primeira grande decisão ao montar um servidor para seu jogo favorito é o investimento em infraestrutura: é preciso que o servidor que hospedará o sistema tenha desempenho alto e baixa latência, como os oferecidos pela SkyHost. Além disso, é interessante que alguns recursos modernos como armazenamento em SSD e monitoramento em tempo real estejam disponíveis, evitando que o servidor saia do ar inesperadamente ou demore para responder aos comandos. Outra dica valiosa é investir em uma VPN de qualidade para diminuir a latência de sua conexão doméstica e testar metodicamente o desempenho do servidor em cada região do mundo, otimizando conforme necessário.

Um servidor caseiro pode até ser suficiente para, em um jogo leve, suportar um ou dois amigos conectados. No entanto, as limitações da própria infraestrutura de uma rede comum significarão grandes problemas de desempenho se tentarmos expandir a partida. Um problema comum de servidores domésticos é, por exemplo, o jogador principal realizar ações muito mais rápidas que os outros jogadores, resultando em uma experiência injusta e pouco agradável. Uma vantagem de um servidor com armazenamento acessível da SkyHost é a possibilidade de migrar os dados de um servidor doméstico para o servidor profissional, assim, você não perde seu progresso, mas melhora a experiência da jogatina.

Escolhendo um sistema operacional

A escolha de um sistema operacional para seu servidor precisa levar em consideração as necessidades de desempenho e facilidade do uso, além das demandas do próprio usuário. É possível por exemplo instalar uma distribuição Linux sem interface gráfica, conhecida como “headless”, isso garante que a maior parte dos recursos de processamento da máquina serão usados para o servidor.

Por outro lado, instalar uma versão completa de um sistema tradicional como o Windows 10 pode facilitar a experiência de usuários novos no mundo da criação de servidores, e permite o uso de um mesmo servidor para diversas aplicações como soluções em nuvem caseiras para mídia ou backup.

O importante é garantir uma fundação sólida antes de instalar os arquivos do jogo propriamente dito: mantenha o sistema atualizado, configure o protocolo SSH com uma senha robusta, instale o Java, MySQL e outras dependências que serão usadas pelo servidor, e tenha um sistema de backup automático engajado para evitar a perda de dados.

Site e sistema de comércio

Embora um servidor possa ser apenas uma atividade puramente recreativa, entre amigos ou desconhecidos na internet, ele também pode ser usado de forma lucrativa. Servidores customizados de jogos como World of Warcraft, Minecraft e até mesmo Habbo Hotel frequentemente contam com recursos próprios e novidades exclusivas para seus jogadores e, com isso, oferecem um sistema de compra de acessos ou itens dentro dos jogos.

Se você optar por seguir este caminho, é interessante começar investindo no registro de um domínio confiável para a marca de seu servidor, além de escolher um sistema de processamento de pagamentos compatível com suas necessidades. Atualmente, opções como o PagSeguro, Stripe ou PayPal podem ser facilmente implementadas em seu site.

Segurança e controle de acessos

Por fim, é interessante garantir a segurança do servidor e das contas dos usuários: para planilhas de dados de login é recomendável o uso da criptografia completa de disco em seu servidor. Além disso, a comunicação entre o domínio e servidor pode ser mediada por serviços como a CloudFlare, capazes de identificar ataques DDoS e tentativas de golpe. Cadastros no site podem ser protegidos pelo hCaptcha ou ReCaptcha, e é fundamental garantir a segurança do PC usando um firewall, programa antimalware, e VPN atualizada.

Agora que você já conhece o básico sobre servidores para jogos, basta conhecer as ferramentas disponibilizadas pelos desenvolvedores de cada jogo e começar sua jogatina. Não se intimide: manejar um servidor próprio pode ser mais fácil do que parece, e jogos como o Minecraft oferecem ferramentas simples que hospedam uma partida com apenas alguns cliques.

Igor Maurício

CCO - SkyHost Web Hosting Services | Sou um desenvolvedor apaixonado por programação e automatização de processos. Também amante de idiomas, que já vivenciou inúmeras aventuras em diversas línguas.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments